segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

CONSUMO DE UVAS E OSTEOARTRITE?



CONSUMO DE UVA & OSTEOARTRITE

As uvas de coloração arroxeadas têm boas concentrações de antioxidantes, anti-inflamatórios e resveratrol e seus subprodutos contribuem de forma significativa com a sua ingestão diária. A osteoartrite é caracterizada por um desgaste das articulações, corrigido muitas vezes com cirurgia invasiva. Pesquisadores do Texas selecionaram homens e mulheres com osteoartrite no joelho para avaliar os efeitos do consumo de uvas desidratadas em pó ou placebo na dor. Após o consumo do suplemento, foi observada uma redução no relato da dor, além de melhoras em sintomas como flexibilidade e mobilidade, principalmente nas mulheres, atribuídas ao teor de polifenóis. Além disso foi observado um aumento na capacidade de realizar atividades complexas nas mulheres com idade superior a 64 anos.
Temos então mais um alimento que deve ser incluído na dieta diária saudável – mas para saber como e quanto, lembre-se de consultar seu nutricionista funcional.

#nutrição #nutriçãofuncional #uvas #polifenóis#resveratrol #osteoartrite


Um comentário:

  1. Olá VP,
    Por favor podem disponibilizar o título do artigo citado no texto?

    ResponderExcluir